Resenhas

No Limite da Ousadia de Katie McGarry (No Limite #2)

Assim que vi a sinopse deste livro desanimei por completo. Achei um sério problema em mim. Tenho preconceitos com papeis invertidos em livros. Sim. Papeis invertidos. Em “No Limite da Ousadia” quem é rebelde é a mocinha e quem é certinho é o mocinho. Mas graças a Katie McGarry minha mente se abriu e pude ver que uma menina que fala palavrão pode sim ser fofa e um menino prodígio pode ser rebelde.

Beth é a anti-mocinha que bebe, tem tatuagem e fuma uns quando esta com seus amigos. É durona e sabe se defender. Desde o início da sua adolescência ela cuida de sua mãe alcoólatra e drogada, é ela que vai buscar sua mãe nos bares e a defende do namorado violento que sua mãe arrumou. Quando o padrasto coloca sua mãe em uma roubada quem assume o crime é Beth, ela nem se importa com as consequências, o importante é que sua mãe não vá para cadeia.

E quem entra na cena é o Scott, ele é o tio esportista famoso e rico da Beth. Ele pega a guarda dela e a faz se mudar para sua cidade natal. Ele esta decidido a manter Beth longe de sua mãe, de seus antigos amigos e de seus problemas. Para Beth o mundo estava caindo sobre sua cabeça, não pode mais proteger sua mãe de seu namorado, estava morando com a esposa do seu tio que a odeia e toda escola olha torto para ela. Mas a uma exceção…

Ryan é o garoto prodígio. Sua família é super importante na cidade e ele é o filho que qualquer mãe podia querer. Seu amor é o beisebol, é super talentoso e há muitas promessas e expectativas sobre ele. Ryan está acostumado a ser vencedor em todas as áreas de sua vida, até nos desafios que faz com seus amigos. Mas quando Beth entra em seu jogo ele vê que terá que se esforçar para vencer este desafio.

10668158_724250877612054_496296911_n

No início era somente um desafio, mas depois ele vê que por trás da cara amarrada de Beth há um sorriso que o fez se apaixonar. E aos poucos Beth deixa um pouco de sua confiança com Ethan. É um relacionamento de trocas de sensações e sentimentos. Eles estão dispostos a arriscar tudo um pelo outro.

Pensei que ia odiar, mas acabei amando. Os capítulos intercalados nos da à visão das famílias de Beth e Ethan. Os problemas e as expectativas de cada família se juntam e formam um bolo de drama que só o amor dos dois pode passar por cima. Cinco estrelas é muuuito pouco para este livro. Através dele tive mais uma lição, julgar menos e aceitar mais.

P.S: E que nome é esse né? De ousado não tem nada!

Um beijo da Anne.

 

Anúncios

2 comentários em “No Limite da Ousadia de Katie McGarry (No Limite #2)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s