Lidos em

Lidos em Abril e Maio/2015 #Anne

Como já disse, tive pouquíssimas leituras desde Março, então vou juntar as Leituras do Mês de Abril e Maio em um post só. Não tem resenha de nenhum desses livros aqui, então conforme eu for fazendo vou atualizando os links no final do post.

Então vamos lá…

11122407_861226297247844_2078386378_n

Foram ao todo seis livros, sendo dois deles em ebook.

  • Síndrome Psíquica Grave (Alicia Thompson)-RESENHA

Me diverti horrores lendo esse livro! A protagonista é uma estudante de psicologia super louquinha e confusa. Ela esta tendo uma crise com todo o lance da faculdade e com seu namoro. Leigh, a protagonista, namora um cara a muito tempo e eles foram para a mesma faculdade, só que ele não da a mínima atenção pra ela. E pra completar sua confusão, ela começa a se apaixonar pelo companheiro de quarto de seu namorado que a odeia. É pura comédia! Dei cinco estrelas.

  • Amy & Matthew (Cammie McGovern)-RESENHA

Esperei o bum do lançamento passar pra poder ler Amy & Matthew e depois que li entendi o porque de todo mundo amar esse livro. A protagonista é a Amy, ela nasceu com paralisia cerebral, mas sempre foi um prodígio nos estudos. A única coisa que ela não sabia fazer era arrumar amigos, Amy sempre tinha cuidadores ao seu redor então não tinha como ser uma pessoa normal. No último ano do colégio, a mãe dela contrata alunos para ser seus cuidadores a fim de Amy fazer novas amizades. E ai temos o Matthew que sempre conheceu a Amy, mas nunca se aproximou dela. Ele não é popular ao algo do tipo. Matthew é um compulsivo por limpeza, mas nunca reconheceu seu TOC. Amy e Matthew viram amigos e vão se ajudando mutuamente com seus problemas.

Gente, esse livro virou meu queridinho, favoritinho e amorzinho! Só na resenha pra vocês entenderem a dimensão do meu amor!

  • Matando Borboletas (M. Anjelais)

Comprei esse livro no puro impulso e me arrependi amargamente. O protagonista são a Sphinx e o Cayden, eles são filhos de duas mulheres que são melhores amigas desde sempre, então eles foram criados juntos até um acidente. Cayden corta o rosto de Spninx com uma faca e deixa uma cicatriz no mesmo. As duas famílias se separam depois do acontecimento, mas depois Cayden fica doente e Spninx que ficar com ele no seus últimos dias de vida. No livro, Cayden é diagnosticado como sociopata. A autora explora bastante a doença e pra mim foi o único acerto. Dei três estrelas.

  • O Descompasso Infinito do Coração (Brianca Briones)

Meu Deus! Que livro fofo! Os protagonistas são a Clara e o Bernardo, já apresentados em As Batidas Perdidas do Coração (primeiro livro). Eles sempre tiveram um relacionamento conturbado desde a adolescência, só que agora Bernardo já é um homem feito e ainda não desistiu da Clara. Ele vai atrás da sua garota mesmo ela sendo casada (!!!). E a Clara é toda insegura e medrosa, sempre pensando mais nos outros do que em si mesma. Gente, esse livro é um melzinho puro. Amei!

  • Eleanor & Park (Rainbow Rowell)- RESENHA

ELEANOR_E_PARK_1391089893B

Outro livro que todo mundo amou e eu quis amar também! A Eleanor é uma ruiva esquisita que entrou no meio do ano letivo no colégio, no primeiro dia ela conhece Park no ônibus. Park é mestiço e meio nerd. Não é nem popular nem excluído. Os dois são o oposto um do outro, mas o amorzinho que rola entre os dois é o mais perfeito do mundo! A família da Eleanor é puro problema e a do Park é super normal. Os dois são puro contraste.  Amei demais! Cinco estrelas é muito pouco, dei infinitas estrelas.

  • Maybe Someday (Collen Hoover)

MAYBE_SOMEDAY_1384137332B

Um livro musical e cheio de emoção como sempre são os livros da Collen. Os protagonistas são a Sydney e o Ridge. Ela acabou de flagrar seu namorado e sua melhor amiga juntos. Sydney sai do seu apartamento, mas não faz a mínima ideia para onde vai. Ai entra o Ridge. Ele mora no prédio da frente e suas sacadas são uma de frente pra outra. Sydney sempre ficava na sacada vendo Ridge tocar violão, e depois de um tempo começam a trocar mensagens pelo celular. Quando Ridge vê Sydney na chuva, chorando e sem casa, ele diz pra ela passar um tempo em sua casa. É obvio que eles vão se apaixonar um pelo outro, só que tem um problema: ele tem uma namorada. Achei super fofo, mas esperava mais. Dei quatro estrelas.

Então é só isso gente…

Beijo da Anne.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s